Resenha

Resenha: Lobos não choram.

domingo, fevereiro 02, 2014 Imperio Das series e livros 2 Comments


Durante horríveis e dolorosos três anos sendo uma loba submissa de seu bando e vendo coisas "esquisitas" acontecerem desconfiando que o que está causando o terror seja o seu alfa, Anna decide ligar para o Alfa dos alfas e denunciá-lo. Marrok não vai em suas missões, ele manda seu filho matador de aluguel em seu lugar para acalmar as coisas. Ao chegar a cidade, Charles sente algo muito forte em Anna, seu lobo a escolheu como companheira (Isabella, isso é um spoiler. Não, não é. É um fato!) e ela apesar de tudo, sente isso também, ela só não consegue entender, como não consegue entender o porque ele a trata diferente. A verdade é, Anna é uma Ômega, uma raridade entre os lobos, e fora tratada por anos como uma submissa, sofrendo por espancamentos e estupros por todos os machos de sua alcateia, foi passada de mão em mão, e isso marcou tanto seu lado lobo quanto seu lado humano. Bom, depois de resolverem tudo em sua alcateia, ela decide ir para a cidade onde Charles e a alcateia de seu pai mora, foi uma decisão na correria, e isso a deixara um pouco estranha. Mas enfim, ai vem a parte "love" dela com Charles, e todo aquele romance, mas não tão fácil, ela tem dificuldades de se aproximar, olhar nos olhos de seu companheiro e de todo homem, e também de confiar. Além de todo esse trauma, eles recebem uma missão nos altos das montanhas, dias e noites, na neve, e uma guerra por vir. O livro não tem só lobos, romance, e briga por poder, mas também outras magias e é isso que a aventura nesse livro nos leva. Magia!

Anna esticou a mão pouco a pouco até que pôde sentir os lençóis quentes com o calor do seu corpo. Descansou seus dedos sobre Charles e seu corpo ficou paralisado, em pânico. Ela estava contente por ele estar dormindo, para que não pudesse vê-la puxar a mão para trás e dobrar seus joelhos sobra a barriga vulnerável. Anna tentou não tremer, porque não queria que ele a visse assim, como uma covarde. Então se perguntou por que ter esperança era muito mais difícil do que ser tomada pelo desespero.
Bom, como deu pra ver no trecho acima, Anna tem uma dificuldade em se aproximar de seu companheiro, e isso me fez ter muita pena dela durante o livro. Imagina você ter um homem lindo, quente(porque é lobisomem, da licença, não pense besteira :3), e amável apesar de ser um assassino de aluguel ao seu lado na cama e não poder nem abraça-lo pelo medo da aproximação. Deve ser horrível e Anna me passou um pouco dessa dor durante a leitura. Os lobos desse livro não são nem um pouco Teen Wolf (Pelos só na cara e nas mãos), eles são mais pra Lobos como da Saga Crepúsculo, com pelos no corpo todo, praticamente um cachorro bem, bem, bem grande e que em minutos se transforma em humano, mas todo o mistério do passado de cada um, o jeito da transformação, os segredos da alcateia, as ameaças do futuro e os fardos do passado deixa o livro recheado de surpresas; Li, reli e vi videos resenhas e todas as criticas foram negativas, alguns até gostam mas não acham que a autora encaixou a história bem. Eu nego e renego! Acho que a Patricia Briggs conseguiu escrever um livro onde o romance e a magia se encaixaram muito bem. 
Agora vai um pouco da minha raiva com a editora Novo século, cara eles devem ser daltônicos só pode, o único lobo de olhos azuis bem claro é Anna, e ela tem sim essa parte branca no rosto, mas o corpo dela é negro, não cinza. Sei que se a capa fosse preta não seria tão hipnotizantemente linda, mas eu ainda não gostei de ter colocado a Anna como uma loba cinza na capa. 
O fim do livro, bom ela teve um desfecho que qualquer livro único (que não tem continuação) teria, oque deixou meio fechado, parado, e muitas pessoas podem achar que não tem continuação. Pois tem, e eu vi alguns spoilers, acreditem, a série Alfa e Ômega vai além das minhas expectativas.  Também conhecemos personagens inesquecíveis, como Bran pai de Charles e sua companheira atual Leah mas não deixa de contar um pouco mais de sua ex e eterna amada/companheira, Asil e sua triste história de amor, Tag (espero conhecer mais sobre ele nas continuações), Samuel, Sage uma loba que tem algo por Asil (tenho certeza, não posso estar completamente louca), entre outros. 


Impossível dar uma classificação menor.

Eu super hiper mega ultra recomendo esse livro. Para quem for começar a ler por ele, na terceira página ele dá um aviso onde diz que se quiser entender melhor, leia primeiro o conto Alfa e Ômega no final do livro. São três capítulos do livro Alfa e Ômega: A Origem que é "o inicio" de tudo. Estou louca por esse livro, que acho que vou ler antes da continuação do Lobos não choram. Mas eu só acho (vai que minha ansiosidade não permita). Bora ler esse livro?

Deixem ai nos comentários se já leu e oque achou.
Também espero que tenham gostado da resenha.

~Le eu sonhando eternamente com um namorado como Charles, lobo!

You Might Also Like

2 comentários:

  1. Adorei!
    O livro parece ótimo!
    Adoro histórias sobre lobos, embora não tenha lido muitas.
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir