Resenha,

Resenha: Cidade dos Anjos Caídos.

domingo, fevereiro 09, 2014 Imperio Das series e livros 3 Comments


Nesse quarto volume de Os Instrumentos Mortais, narrado a maioria das vezes pelo ponto de vista de Simon Lewis o novo vampiro de New York - um dos raros Daylighter - que agora é cobiçado por duas - três se contar com a unica fã da banda dele - lindas garotas, e é considerado super poderoso por isso querem "exterminá-lo".  Mas esse é o lado dele na história, do outro lado tem os caçadores de sombras que agora voltaram da Cidade de Vidro para NY, tudo está indo perfeitamente bem até que Caçadores de sombras do circulo começam a ser encontrados mortos, colocando os seres do submundo em "quase" guerra novamente com a clave e pra piorar Jace começa a se distanciar de Clary e a ter sonhos sombrios. E é ai que tudo começa a se "desenrolar" Clary vai atras de respostas, as quais não será bom pra maioria deles; Também nesse descobrimos mais sobre casamentos de caçadores e como eles "nascem". Novos personagens estão nesse livro, uma nova vampira super poderosa que trás lembranças a Magnus que aliás é tão velho quanto ela, um novo lobisomem charmoso e fofo de ganhar todo coração, novos irmãos do silencio, entre outros. Esse é um livro bem agitado, como passa de pensamento em pensamento - uma hora narrada por Simon, outra por Clary ou Jace - não se torna tão enjoativo. E adivinhem... o livro deixa aquele gostinho de "OH Meu senhor, vamos começar a ler o próximo, preciso saber oque acontece" haha.

"Vejo pessoas entregando seus corações e penso ‘não sabem que não devem fazer isso?’ Corações são frágeis. E acho que mesmo quando a pessoa se cura, ela nunca mais volta a ser como era antes.” - Isabelle Lightwood.

Vai sim conter Spoilers dos outros livros 
Agora vou falar minha opinião sem esconder muito sobre os casais.

O livro começa narrado por Simon, nada contra aliás ele até que não é tão retardado - não tanto - mas essa coisa dele namorar a Maia e a Isabelle ao mesmo tempo, oque? Eu nunca tive tanta raiva dele quanto nesse livro. Eu super, hiper, mega, ultra, mais que torço por ele com a Izzy, ai ele vem e "trai" ela? Beleza, até ai tudo bem não posso julgar ele, ele era apaixonado pela Clary basicamente a vida toda, ai quando se apaixona por alguém que "ama" ele do mesmo modo ele não sabe oque faz né. Enfim, Jace é outro que me estressa muito nesse livro, os sonhos dele, ele tem medo de acontecer de verdade mas ele ta vendo que a Clary quer ele e ele da uma de mulherzinha. Desapontada com ele.
Eu ri demais com Alec e seu ciumes com Magnus e seu passado de 800 anos namorando "mortais". Eu entendo ele, da aquela sensação de "Pow, eu sou só mais um na lista dele, logo vou morrer e ele vai se apaixonar de novo", mas eles ainda tem muito oque se amar e tenho fé que Magnus vai encontrar um jeito de Alec ser imortal. Quem leu os outros livros, sabe que em Cidade de vidro Max morre e isso abala a familia Lightwood então nesse livro eles estão meio "distantes" principalmente a mãe deles então a família que é mais ditada no livro é de Clary, sua mãe e Luke vão se casar, quem não queria isso desde o primeiro livro é poser (beijos universo).

"Clary: Como está o show? 
Isabelle: Bom. — Isabelle mastigou pensativamente o canudo. - Esse vocalista novo é gato. É solteiro? Queria montar nele como se fosse um pônei mau, muito mau… 
Clary: Isabelle!” 

Agora vamos falar do menino novo sem muitos spoilers - porque a revelação é tipo WTF? - Kyle é charmoso, doce, gentil, um bom amigo para Simon e Jace. A como eu queria um amigo desse. Todas as meninas que conhecem Kyle desejam ele, da pra ver na frase acima que Isabelle fica "caidinha" nele e como não ficar?. A luta foi épica, como eu disse, por ser narrado em vários "pontos" começou  a ficar confusa, mas não deixa de ser uma luta cheia de sangues e mortes.

"O amor é uma contradição."
- Jace "Wayland"

Para quem gosta de romances complicados e muito sangue, vai adorar esse livro. Super recomendo, meninas e meninos que começaram mas não leram todos, leiam, vale muito a pena. Cassandra Clare consegue ganhar nosso coração durante a leitura. Super ansiosa para Cidade das almas perdidas.

Deixem ai nos comentários oque acharam do livro e da resenha.
Não fiquem bravos se não gostem muito que eu fale de cada personagem, 
por isso aviso que é "Spoiler" se você não leu os primeiros livros da série né.

You Might Also Like

3 comentários:

  1. Eu achei o livro muito tenso, mas sério eu ainda não consigo entender direito o Simon ele é meio retardado, mas namorar a Izzy e a Maia ao mesmo tempo ? Hey, juntas na torcida pela Izzy o/ haha
    Isa, também não gostei dessa atitude de o Jace está se escondendo o tempo todo, fico meio que clichê não foi ? Ele mudou um pouco em comparação ao primeiro livro.
    Enfim, resenha maravilhosa e a sinceridade que conta né? Tem que falar mesmo!
    Beijos
    livros-com-pipoca.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro as vezes foi meio desanimador e nas partes dele namorando as duas eu quase sofri de decepção e raiva Lí. Sizzy ever.
      Jace é muito cliche, ele é o tipico homem que se afasta para proteger a namorada, mas achei muito ridiculo essa coisa de se esconder. Achei muito, muito chato.
      Bom que gostou, obrigada. Pois é, sinceridade conta pra caramba.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi adorei.. muito obrigado, me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir